Liderança Transformadora e a importância de líderes comprometidos com excelência

Segundo Carpinetti (2016), é importante que as organizações compreendam a função da liderança como uma responsabilidade não apenas de uma pessoa, mas de todos que compõem a alta direção, a gestão intermediária e demais gestores da organização. É preciso também uma compreensão clara para o fato de que liderar não é sinônimo de gerenciar e, muitas vezes, ambas as funções requerem habilidades distintas. Como observado por Kotter (2000), muitas organizações são “supergerenciadas” e “sublideradas”, esse erro, bastante comum, é decorrência da adoção de planejamento de longo prazo com uma panaceia para sua falta de direção e falta de habilidades para se adaptar a um ambiente de negócios cada vez mais dinâmico e competitivo.

O Fundamento Liderança Transformadora tem como conceito: a atuação dos líderes de forma ética, inspiradora, exemplar e comprometida com a excelência, compreendendo os cenários e tendências prováveis do ambiente e dos possíveis efeitos sobre a organização e suas partes interessadas, no curto e longo prazo, mobilizando as pessoas em torno de valores, princípios e objetivos da organização; explorando as potencialidades das culturas presentes; preparando líderes e pessoas; e interagindo com as partes interessadas.

  • DEFINIÇÃO DE VALORES, PRINCÍPIOS E DIRETRIZES ORGANIZACIONAIS

Os valores organizacionais têm se tornado, no atual cenário competitivo, uma das formas mais importantes de melhorar a eficácia organizacional e as atitudes e comportamentos dos funcionários. Apesar do forte argumento, muitas organizações ainda não enxergam os benefícios presentes nos valores (Ferguson & Milliman, 2008). De fato, os valores fundamentais mal implementados e articulados podem ter um impacto negativo tanto na organização como no comportamento dos funcionários.

Os valores de uma organização podem ser definidos como crenças, organizadas hierarquicamente, referentes a estados da existência ou modelos de comportamento desejáveis que guiam a vida de um empreendimento e que se estendem aos interesses individuais e coletivos de todas as partes interessadas (Tamayo, 1996).

Schwartz (1994) ressalta que os valores e princípios são capazes de motivar a ação, dando um direcionamento e intensidade emocional. O principal benefício de uma boa implementação e disseminação de valores é a motivação, e isso pode influenciar fortemente na forma de pensar, agir e de sentir de cada colaborador. A mensagem descrita nos valores é disseminada na forma em que se produz, na qualidade dos serviços, nas interações interpessoais dos colaboradores, respeito as hierarquias gerenciais, assim como o compromisso com os padrões e normas estabelecidas por meio de diretrizes organizacionais.

Para Tomayo (2000, p6.), as normas ou diretrizes de uma organização estão enraizadas nos valores e podem ser interpretadas como operacionalização das estratégias definida nos valores. Estes podem ser entendidos como um projeto para a organização, o que demanda um esforço para alcançar o que é estabelecido por elas. Os valores estabelecem metas mais ou menos conscientes da empresa (Tamayo & Schwartz, 1993). As diretrizes informam explicitamente o que é esperado na conduta dentro da organização e os valores imprimem uma justificativa generalizada, para o comportamento esperado, assim como para as atividades e funções dos que compõem do sistema (Katz & Kahn, 1978, p. 70).

_

Para adquiri o material completo, acesse nosso formulário clicando aqui.

PPQ - Programa Paraibano da Qualidade

Contatos

  • (83) 3244-1888
  • ppq@ppq.com.br
  • Av. Júlia Freire 1200 Sala 402
    Metropolitan Shopping Empresarial
    Expedicionários - João Pessoa - PB