Área Restrita

Destaques

Fundamentos para Excelência da Gestão – Pensamento Sistêmico

Atualizado em 23/03/2018 04:26

Os fundamentos da gestão para excelência são um conjunto de valores e princípios que revelam padrões culturais internalizados nas organizações classe mundial (expressão utilizada para caracterizar uma organização que esteja classificada entre as melhores do mundo no quesito gestão organizacional) e são reconhecidos internacionalmente, expressos por meio de seus processos e consequentes resultados. Vale ressaltar que os fundamentos não são aspectos isolados da gestão, mas sim Inter-relacionados, o que caracteriza o Modelo de Excelência da Gestão – MEG  como um modelo verdadeiramente holístico.

Nesta publicação abordaremos o fundamento: Pensamento Sistêmico. Podemos dizer que esse fundamento é a compreensão e tratamento das relações de interdependência e seus efeitos entre os diversos componentes que formam a organização, bem como estes e o ambiente com o qual interage.

O Pensamento Sistêmico permite atingir vários objetivos:

  • Consideração de múltiplos focos, aspectos, variáveis, partes e relações.
  • Buscar várias soluções combinadas para resolver um problema, inclusive,
  • Empilhando-se planejamentos, isto é, atingir vários objetivos simultaneamente,
  • Aprender algo com a situação, em um horizonte do tempo mais realista.
  • Buscar alternativas antes da escolha.

 

 

  • Listamos algumas dicas para promover o pensamento sistêmico nas organizações

 

Relações Internas e Externas:

 

  • Valoriza redes informais de relacionamentos;
  • Compartilhar as informações sobre os negócios com os funcionários e clientes;
  • Estimula compartilhamento dos desafios.

 

Aprendizado e inovações:

  • Fomenta a criatividade para que ideias inovadoras surjam em toda a cadeia;
  • Estimula para que todas as partes interessadas da cadeia aprendam umas com outras;
  • Estimula ideias e pensamentos diferentes em todas cadeias.

 

Geração de Valor

 

  • Aumentar seu valor privilegiado o investimento em ativos atingíveis;
  • Privilegiar a busca por processos que usam melhor seus recursos sem agredir o ecossistema;
  • Busca ao mesmo tempo, sustentabilidade econômica, ambiental e social.

 

Visão de Futuro

  • Dissemina a toda cadeia a tarefa de formular as estratégias do negócio.
  • Incentiva os funcionários de forma global a olhando para o futuro
  • Valoriza os funcionários que avaliaram as consequências de suas decisões a longo prazo no trabalho.

 

Pensamento sistêmico no MEG 21 

O pensamento sistêmico apresentou-se tão importante para o aprendizado organizacional que, na nova versão do Modelo de Excelência da Gestão® (MEG), em sua 21ª edição, tornou-se um dos Fundamentos da Gestão para Excelência. De acordo com o MEG, as organizações são constituídas por uma rede de componentes que estão em interação a todo momento.

Para isso, é importante mapear as relações da organização e fazer uma análise profunda, considerando o todo, ou seja, é necessário ter como premissa o Pensamento sistêmico. O próprio Modelo de Excelência da Gestão® (MEG) da Fundação Nacional da Qualidade – FNQ, coloca-se como um instrumento para mapeamento do sistema de gestão de qualquer tipo de organização, com o objetivo de avaliar e dar os feedbacks necessários, em busca da melhoria contínua.